Publicidade

Conecta Verde

Conecta Verde: pioneirismo na difusão da sustentabilidade no mercado de embalagens

Compartilhar

Além de celebrar os dos dois anos no ar, portal de atuação segmentada alcança a importante marca de 100 mil visualizações propagando iniciativas que visam diminuir o impacto ambiental e uma economia mais circular e sustentável em toda a cadeia produtiva e usuária de embalagens

Por Flavius Deliberalli

A importância das embalagens na vida das pessoas é unânime e indiscutível. Proteger produtos, acondicionar alimentos e até alavancar as vendas dos mais variados itens em pontos de vendas estão entre as suas principais aplicações, atributos e utilidades. Porém, a discussão sobre o destino final dessas embalagens após seu uso é relativamente recente e tem muito a evoluir, especialmente no que tange à preservação ambiental e geração de menos resíduos.

É por essas e por outras pautas tão importantes relacionadas ao setor de embalagens que, há dois anos, surgiu o Conecta Verde, o primeiro portal jornalístico do Brasil totalmente dedicado a difundir as iniciativas e ações de toda a cadeia produtiva e usuária de embalagens visando um desenvolvimento mais sustentável e com menor impacto ambiental. E a difusão dessa urgente transformação do mercado acontece através da publicação de notícias diárias do setor, além de conteúdos exclusivos, como matérias especiais, entrevistas, podcasts, newsletters, artigos, lives e muito mais. Ao longo dessa caminhada do Conecta Verde, estes conteúdos contabilizaram uma média mensal de mais de 5 mil acessos e um total de mais 100 mil page views, ou seja, uma marca bastante expressiva por se tratar de um veículo segmentado.

Outra força importante do portal Conecta Verde tem sido os eventos. Sejam eles virtuais e presenciais, reuniram público e audiência engajados na causa e profissionais renomados do setor, que contribuíram com abordagens e questionamentos relevantes para que a indústria de embalagens buscasse alterantivas para se desenvolver de forma mais sustentável.

“Há dois anos chegamos no mercado de embalagens com muita humildade, mas também com muito compromisso.  Empreender e inovar no Brasil é sempre desafiador, ainda mais em comunicação. Alcançar esses números com um veículo independente e segmentado, além de ser uma realização, é também a confirmação de que realmente havia essa necessidade no mercado. Nos sentimos muito honrados por tantas conexões generosas que fizemos até aqui e tantas iniciativas pioneiras que conseguimos promover. Seguimos, aprendendo a cada dia sobre a pauta de sustentabilidade, buscando cumprir o nosso propósito de ser agente de transformação e levando informação em prol de uma cadeia de embalagens mais consciente e responsável com o planeta”, declara Elen Nunes, fundadora, editora e RP do Conecta Verde.


 

Pra fazer a diferença no mercado de embalagens

Muito mais do que apenas reunir profissionais, marcas e empresas, os eventos do Conecta Verde sempre tiveram como objetivo causar reflexão e propor discussões aprofundadas sobre o desenvolvimento de embalagens com menor impacto ambiental, abrangendo diferentes aspectos para esta finalidade.

A primeira iniciativa nesse sentido foi uma live especial, que marcou o primeiro ano do portal no ar e que reuniu Carla Tennenbaum, co-fundadora da Ideia Circular; Marcos Iorio, consultor pela Circoolar Projetos Regenerativos e vice-diretor do Centro de Ciência para o Desenvolvimento de Soluções para os Resíduos Pós-Consumo: Embalagens e Produtos (CCD Circula), e Rodrigo Jobim, CEO e fundador da Molécoola. Na live, os convidados compartilharam opiniões e muito conhecimento sobre economia circular, design circular, logística reversa e educação ambiental. A live também marcou a entrega do Prêmio Conecta Verde, que dividido em três categorias, contemplou os conteúdos mais acessados e a iniciativa mais inovadora noticiada pelo portal até então.

Para amplificar o alcance da pauta de sustentabilidade no setor de embalagens, o portal Conecta Verde foi além e realizou seu primeiro evento presencial que obteve grande repercussão no setor: a Masterclass Economia Circular de Embalagens, que teve sede no Panela House – Espaço de Inovação da Nestlé, em São Paulo (SP), em novembro do ano passado. O objetivo desse evento era integrar diferentes elos e profissionais da cadeia produtiva de embalagens para discutir e apontar soluções para tornar a economia do setor mais circular.

Além da Nestlé, representada por Cristiani Vieira, gerente de sustentabilidade, e Denis Chamas, gerente sênior de inovação e novos negócios, falaram ao público presente Marcos Iorio; Rodrigo Oliveira, CEO da Green MiningLigia Dembinski, gerente de design e líder de ESG na CBA B+G; Beatriz Pacheco, diretora geral do Instituto Akatu; Gabriela Gugelmin, chief people officer da Earth Renewable Technologies (ERT) e Isabela De Marchi, gerente de sustentabilidade da SIG.

Já em março deste ano, foi a vez da live O engajamento da mulher no ESG, que além de celebrar o Dia Internacional da Mulher, compartilhou a trajetória de sucesso de mulheres que contemplam a agenda ESG no Brasil, como Zita de Oliveira, gerente de Sustentabilidade Latam da Unilever, Luciana Chinaglia, fundadora e presidente da ONG Banco de Alimentos, e Luciana Pellegrino, diretora executiva da Associação Brasileira de Embalagem (ABRE).

O mais recente evento realizado pelo Conecta Verde foi a Masterclass Economia Circular de Embalagens Plásticas, que aconteceu no último mês de junho, no Cazoolo, centro de desenvolvimento de embalagens para Economia Circular da Braskem. Com transmissão ao vivo, o evento reuniu especialistas renomados e profissionais de destaque do setor para uma valiosa troca de experiências em busca de um futuro circular e com menor impacto ambiental no âmbito das embalagens plásticas.

A programação deste encontro teve como destaques as apresentações de Yuri Tomina, líder do Cazoolo; Thiago Spedo, diretor da Associação Brasileira de Biopolímeros Compostáveis e Compostagem (ABICOM); André Bertolotti, gerente de economia circular da Braskem; Luiz Grilo, diretor executivo da Yattó; Roberto Rocha, presidente da Associação Nacional dos Catadores (ANCAT)Eduardo Yugue, diretor de P&D da ZaraplastMarcos Iorio; Tarcio Borgo, gestor de inovação e sustentabilidade no Cazoolo; Ricardo Sastre, diretor da Mudrá Design; Carlos Hugo Caramelo, gerente de desenvolvimento da Antilhas e Denise Conselheiro, gerente de educação do Instituto Akatu.

Por fim, neste mês em que o Conecta Verde completa seu segundo aninversário, seus editores realizaram uma entrevista exclusiva e ao vivo com Gabriela Otero, gerente de economia circular do Pacto Global da ONU no Brasil. Ao longo do bate-papo, a executiva detalhou as principais ações e metas da iniciativa objetivando o desenvolvimento sustentável de toda a sociedade.

 

Apoio de peso

É importante notar que mesmo ainda iniciando sua jornada, o Conecta Verde vem conseguindo atrair a atenção do setor para a pauta de sustentabilidade. E isso é comprovado pelo apoio de marcas e entidades setoriais de grande representatividade.

“Olhando para trás, temos orgulho do trabalho realizado até aqui e de todo o apoio que estamos recebendo de entidades e players importantes para colocar em prática nossas iniciativas. Afirmo com certeza que dentro de pouco tempo a sustentabilidade, em todos os seus aspectos, não será mais vista como um bicho de sete cabeças”, avalia Flavius Deliberalli, editor do Conecta Verde.

Os eventos e inciativas do Conecta Verde somam apoios institucionais da Associação Brasileira de Empresas de Design (ABEDESIGN)ABFLEXO – FTA Brasil – Associação Brasileira Técnica de Flexografia e Conversão DigitalAssociação Brasileira de Biopolímeros Compostáveis e Compostagem (ABICOM)Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast)Instituto Akatu, Associação Brasileira de Embalagem (ABRE) e Two Sides.

Dentre as marcas que apoiaram as ações do Conecta Verde, além das já citadas nesta matéria, como Antilhas, ERT, Zaraplast, Cazoolo, Mush e SIG, destacamos ainda IbratecCamargo EmbalagensTerphane e Ibema.

Masterclass Economia Circular de Embalagens no Panela House, da Nestlé.
Masterclass Economia Circular de Embalagens Plásticas no Cazoolo, da Braskem.

O Conecta Verde por quem vive o mercado de embalagens


E claro que para celebrar esses dois anos de Conecta Verde no ar com a sensação de missão cumprida, não poderíamos deixar de compartilhar a opinião de quem vive e atua no mercado de embalagens.

Aqui, listamos alguns depoimentos de profissionais que desde o primeiro momento abraçaram esse projeto:

 

“Na minha primeira conversa com o Conecta Verde, há dois anos, foram quase duas horas de conversa. Eu queria ter certeza que ele não era apenas mais um veículo de comunicação. E quando tive certeza que não era, resolvi apoiar essa iniciativa sempre que me fosse possível. Nos últimos dois anos foram textos, revisões de lançamentos de tecnologia, masterclass, espaços de diálogo e podcasts. Tudo isso no papel importante de se tornar uma plataforma que trazia um foco diferente do que já possuímos das embalagens: o foco na conexão de ideias, tecnologias, marcas, profissionais do setor, sempre relacionado à sustentabilidade, à economia circular, ao nosso futuro regenerativo. Acompanho passo a passo, leio os textos e apoio com todo o carinho a construção desse espaço de diálogo. Por que precisamos propor, por que precisamos redesenhar, por que precisamos informar e educar. Parabéns Conecta Verde, por seus dois anos. Um verdadeiro empreendimento humano na construção de um futuro que desejamos”, destaca Marcos Iorio, consultor pela Circoolar Projetos Regenerativos e vice-diretor do Centro de Ciência para o Desenvolvimento de Soluções para os Resíduos Pós-Consumo: Embalagens e Produtos (CCD Circula).

“O Conecta Verde é um oásis no saturado planeta da sustentabilidade da embalagem. É hoje um dos temas mais pesquisados e divulgados do mundo, porém difícil de acompanhar e compreender, apresentando novidades todos os dias. Para nós, brasileiros, o Conecta Verde é uma voz amiga que informa bem o que ocorre por aqui, onde além das notícias, divulga empresas, pesquisas, pessoas e eventos de qualidade, sendo uma fonte de conscientização e orientação para melhorar as nossas embalagens. Parabéns!”, relata Lincoln Seragini, um dos mais importantes especialistas em embalagens do país e CEO da Casa Seragini.

Marcos Iorio
Lincoln Seragini
Conteúdo por:

Deixe um comentário

Recomendados para você

Pesquisar

Publicidade

Últimas notícias

Temas mais publicados