Publicidade

Conecta Verde

Grupo Boticário atualiza visão de futuro com Compromissos para 2030 e divulga Relatório ESG

Compartilhar

Empresa realizou evento na semana passada para apresentar resultados

Editado por Flavius Deliberalli

Em evento realizado em São Paulo (SP), no último dia 16 de maio, o Grupo Boticário anunciou a publicação de seu 12º Relatório ESG e, simultaneamente, apresentou a evolução dos seus Compromissos Para o Futuro. Sob o mote “juntos construímos uma beleza de futuro”, a atualização dos compromissos reforça a jornada coletiva e sustentável da companhia.

O anúncio das novas metas e relatório, de acorco com a marca, vão ao encontro de seu compromisso de atualizar as metas a cada três anos, garantindo que a estratégia ESG esteja alinhada aos desafios globais do tema e de seu crescimento.

“O sucesso do Grupo Boticário é pautado pela integração da sustentabilidade ao nosso negócio. Para nós, não há crescimento se não for coletivo e responsável. Todos os nossos resultados e ambições só têm valor quando compartilhados com toda a sociedade, com nossos colaboradores, parceiros, fornecedores, distribuidores, representantes, franqueados e consumidores”, afirma Fabiana de Freitas, vice-presidente de assuntos corporativos do Grupo Boticário.

Os compromissos assumidos pelo Grupo Boticário, desde 2021, estão alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs) da Organização das Nações Unidas (ONU), seguindo o mesmo horizonte temporal da Agenda 2030. São oito compromissos, distribuídos entre sete temáticas: Mudanças Climáticas; Resíduos; Água; Biodiversidade; Diversidade e Inclusão; Desenvolvimento Social; e Fornecimento Sustentável. E, para que seja possível potencializar os projetos, tangibilizar e mensurar sua evolução, eles se desdobram em 30 metas específicas para toda a organização.

O Grupo Boticário informou ainda que, embasado pelas melhores práticas em ESG, e com o endosso de um Comitê presidido por membro independente e referência no mercado, a atualização é resultado de um processo que foi desenvolvido de forma democrática e multidisciplinar, com o envolvimento de especialistas e mais de 60 representantes da alta liderança da empresa, e que durou mais de 9 meses.

“O resultado é extremamente consistente. Analisamos a conjuntura externa e interna para diagnosticar onde estamos em relação aos desafios globais e estruturamos ações de curto, médio e longo prazo. Todos os temas evoluíram em suas definições, nos indicadores de mensuração de performance e na criação de novos processos de governança, promovendo integração do tema ao modelo de gestão da companhia. Assim, cada área de negócio foi fortalecida em sua capacidade de planejar e executar ações que contribuam para o alcance das metas”, complementa a Fabiana de Freitas.

O Grupo Boticário destacou também que neste ano traz um Relatório ESG ainda mais robusto e com novidades. Além de manter o padrão GRI (Global Reporting Initiative), trouxe mais evidências para o relato sobre mudanças climáticas, incluindo o framework completo do TCFD (Força-tarefa para divulgações financeiras relacionadas ao clima). Também passou a incluir indicadores socioambientais do SASB (Sustainable Accounting Standards Board) específicos do setor de produtos pessoais e a dupla materialidade, considerando os impactos socioambientais e financeiros sofridos e causados pelo negócio.

A empresa informou ainda que seus esforços já renderam relevantes resultados. Com foco na economia circular de resíduos de toda a sua operação, todos os novos produtos cosméticos contam com pelomenos um atributo de sustentabilidade em formulação ou embalagens. Além disso, o Grupo Boticário também incentiva a redução de resíduos de catálogos, alcançando em 2023 a redução de 12% do volume em toneladas de resíduos de papel em relação ao ano anterior.

Outros aspectos também destacados pela empresa são: o programa em pontos de coleta de logística reversa no mercado de beleza e cosméticos, com mais de 4,5 mil pontos, sendo que em 2023, mais de um terço do equivalente ao resíduo gerado pelas embalagens no ano foi reciclado (34%) e a meta para 20230 é 45% em 2030; e a Estação Preço de Fábrica que, desde seu lançamento, em novembro de 2021, contabiliza mais de 2,3 mil toneladas de resíduos recolhidos e encaminhados para a reciclagem.

O Relatório ESG do Grupo Boticário pode ser consultado na íntegra aqui.


Mais informações:

Grupo Boticário
www.grupoboticario.com.br

 

Conteúdo por:

Deixe um comentário

Recomendados para você

Pesquisar

Publicidade

Últimas notícias

Temas mais publicados