Publicidade

Conecta Verde

BASF e ONG Mangalô são parceiras na construção sustentável de escola

Compartilhar

Nova Escola Mangalô Montessori contou com o incentivo do Projeto EcoPack, da BASF, que destina resíduos de embalagens plásticas para fabricação de telhas e paredes ecológicas

Editado por Flavius Deliberalli

O projeto EcoPack, da BASF, uma iniciativa focada na economia circular, que viabiliza reciclar embalagens plásticas dos produtos da companhia e transformá-las em materiais, como telhas e paredes ecológicas, para o revestimento de construções, deu nova função a 2,5 milhões de unidades, que foram direcionadas para a construção da segunda escola sustentável da ONG Mangalô, no bairro do Tatuapé, em São Paulo (SP).

De acordo com a empresa, o projeto, que é fruto de um programa de intraempreendedorismo junto à Fundação Dom Cabral, gerou 95% menos resíduos, emitiu 90% menos CO2 e utilizou 90% menos água em comparação à construção civil tradicional.

“Um dos propósitos da BASF é gerar valor a toda sua cadeia de produção, inclusive às embalagens dos nossos produtos. Diante disso, o EcoPack surgiu para dar um destino sustentável a esses resíduos. Por meio desse projeto — ainda em fase de implementação – será possível evitar descartes no meio ambiente e promover a economia circular plena, pois os produtos oriundos desse material podem ser reciclados inúmeras vezes ao final da vida útil. Além disso, permite destinar as chapas ecológicas para a construção de moradias populares e apoiar edificações sustentáveis, como estamos fazendo com a escola da Mangalô”, afirma Jefferson Schiavon, diretor de Materiais de Performance da BASF América do Sul.

Ainda segundo a BASF, as telhas e paredes ecológicas que revestem a escola possuem ótimo desempenho, como resistência à água, alta durabilidade e conforto térmico, além de serem mais econômicas no custo da obra e fáceis de instalar.

“Inovação e sustentabilidade são dois pilares da nossa ONG para contribuir com o futuro da sociedade. Logo, firmar parcerias com empresas que têm a mesma visão é essencial para fortalecer os valores que queremos transmitir aos 250 alunos dessa nova unidade. Na nossa escola, eles vão saber que a sustentabilidade sustenta literalmente o amanhã de cada um”, declara Fernando Teles, fundador e CEO do Grupo Mangalô.


Mais informações:

BASF
https://www.basf.com/br/pt.html

Mangalô
www.mangalo.org.br

Conteúdo por:

Deixe um comentário

Recomendados para você

Pesquisar

Publicidade

Últimas notícias

Temas mais publicados