Publicidade

Conecta Verde

Klabin investe R$ 40 milhões em tecnologia para aprimorar aplicação de barreira sustentável em papelcartão

Compartilhar

Segundo empresa, aporte garantirá a atualização de maquinário da Unidade Monte Alegre (PR), permitindo ampliar a capacidade produtiva do papel que já sai da fábrica com a barreira aplicada

 

 

Editado por Flavius Deliberalli / Crédito da Imagem: Márcio Bruno

A Klabin, empresa produtora e exportadora de papéis para embalagens e embalagens de papel, anuncia o investimento de R$ 40 milhões em tecnologia para aplicação de barreira dispersível em papelcartão utilizado para a produção de diversos tipos de embalagens. Capaz de oferecer barreira à água, à vapor de água e à gordura diretamente na fábrica e em escala industrial, a solução mantém as características de reciclagem e compostagem originais do papel, sendo uma alternativa mais sustentável às opções atuais.

O aporte financeiro será feito na atualização de uma máquina revestidora da Unidade Monte Alegre, no Paraná, que terá sua capacidade ampliada para até 60 mil toneladas anuais. O grande diferencial da solução aplicada ao papel-cartão é ser dispersível que, somada à eliminação do uso de embalagens adicionais ou a aplicação de revestimentos complementares, amplia significativamente o potencial de impacto positivo das embalagens.

“A Klabin investe em barreiras sustentáveis há mais de dez anos, tendo consolidado no mercado soluções como o Klafold FZ e Klafold GB, que já dispensam a aplicação de plástico associado ao papelcartão para obtenção de barreira. O investimento na atualização desta máquina amplia as possibilidades de mercado que podemos atender, alcançando segmentos como o de alimentos resfriados/congelados (pizza, nugget, hambúrguer, carne, pescado, embutido), alimentos industrializados (proteína, caldo, biscoito), detergente em pó, copos de papel e até mesmo soluções mais sofisticadas para alimentos líquidos, isso em uma escala relevante”, afirma Flávio Deganutti, diretor de Papéis da Klabin.

Conforme informado pela empresa, a atualização da máquina está sendo feita em duas etapas: a primeira teve como foco a atualização da tecnologia de aplicação e a segunda trabalhará em aumento de capacidade, bem como intensificará o desenvolvimento de novos produtos, especialmente aqueles de origem renovável.

Entre os diferenciais técnicos da solução, a adição da barreira ainda na fábrica é um ponto relevante e que garante aumento de escala para a empresa. “A otimização dos processos em prol da sustentabilidade passa pela inovação e acreditamos que o avanço tecnológico que este modelo de aplicação nos traz é um primeiro passo para a aplicação online, quando a barreira será adicionada diretamente na máquina de papelcartão”, explica Deganutti.

Mais informações: Klabin – www.klabin.com.br



Conteúdo por:

Deixe um comentário

Recomendados para você

Pesquisar

Publicidade

Últimas notícias

Temas mais publicados