Publicidade

Conecta Verde

Através de parcerias, Prolata impulsiona reciclagem de latas de aço em São Paulo no primeiro trimestre de 2023

Compartilhar

De acordo com entidade, Estado foi o segundo que mais reciclou no primeiro trimestre deste ano

Editado por Flavius Deliberalli

São Paulo assumiu a vice-liderança como o estado que mais reciclou latas de aço por intermédio da Prolata entre os meses de janeiro e março de 2023. Os dados são resultados de um levantamento realizado pela entidade, que tem atuação focada na cadeia de logística reversa e na destinação correta pós-consumo de latas de aço.

De acordo com o levantamento, os paulistas coletaram 2.378,69 toneladas de latas de aço nos primeiros 90 dias do ano. Isso fez com que o Estado ocupasse, até então, o segundo lugar da lista em 2023, pouco atrás do Rio de Janeiro, que coletou 2.519,98 toneladas no mesmo período. O Paraná fecha o ranking com 1.364,22 toneladas de latas de aço coletadas.

“Este volume de material reciclado no Estado de São Paulo foi impulsionado, entre outras iniciativas, pelas parcerias que temos. A construção civil é uma das áreas em que há maior consumo de embalagens de aço. Ter parceria nessa área e garantir a destinação correta desses resíduos é muito importante e simbólico”, pontua Cristine Fulchini, coordenadora de projetos da Prolata.

O convênio entre a Prolata e o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP) tem como objetivo facilitar o processo de logística reversa das latas de aço usadas no setor. Ao todo, já são 22 construtoras parceiras, com 156 canteiros de obras cadastrados na capital paulista e na Região Metropolitana de São Paulo.

Mais informações:

Prolata
www.prolata.com.br

Conteúdo por:

Deixe um comentário

Recomendados para você

Pesquisar

Publicidade

Últimas notícias

Temas mais publicados