Publicidade

Conecta Verde

Em novo “Fact Sheet”, Two Sides destaca a reciclabilidade do papel

Compartilhar

Publicação destaca que 80% das embalagens de papel, cartão e papelão são recicladas no Brasil


Editado por Flavius Deliberalli

Em recente publicação denominada como “Papel não é lixo”, Two Sides, uma organização global, sem fins lucrativos, criada na Europa em 2008 por membros das indústrias de base florestal, celulose, papel, cartão e comunicação impressa, com o objetivo de estimular a produção e o uso conscientes do papel, da impressão e das embalagens de papel, bem como esclarecer equívocos comuns sobre os impactos ambientais da utilização desses recursos, destaca que o papel é um dos produtos mais reciclados do mundo.

A publicação afirma que um dos principais atributos ambientais do papel é que ele pode ser facilmente reciclado e utilizado para a fabricação de novos produtos. Além disso, o papel reciclado é uma importante matéria-prima para a indústria papeleira. No Brasil, 67% de todo o papel usado é reciclado. Quando se trata de embalagens de papel, cartão e papelão, a taxa de reciclagem é ainda maior: 80%. Outro dado da publicação é que 70% das embalagens de papelão ondulado são feitas com fibra reciclada.

O “Fact Sheet” de Two Sides revela também que as árvores para extração de celulose são cultivadas de acordo com os mais rigorosos métodos, com o objetivo de alcançar a mais alta produtividade e garantir a proteção ambiental. Isso é demonstrado pelo fato de que todos os cultivos de árvores para extração de celulose no Brasil são certificados pelo FSC ou PEFC, organizações internacionais e independentes que verificam a cadeia produtiva das árvores e atestam seu manejo adequado em relação aos impactos sociais e ambientais.

A respeito da reciclagem do papel, a publicação evidencia que para manter sua qualidade, é importante que o papel seja coletado separadamente dos demais materiais. É destacado também que durante o processo de reciclagem, é necessário remover contaminantes e, às vezes, também resíduos de tinta. Dessa forma, a matéria-prima resultante pode ser utilizada para produzir papel 100% reciclado ou misturado com fibra virgem, dependendo das características de qualidade exigidas.

Por fim, a publicação informa ainda que papel, cartão e papelão ondulado são produzidos com matéria-prima sustentável e renovável, seja a partir de árvores cultivadas ou de fibras recicladas. Dessa forma, o setor de papel e celulose está muito comprometido com o conceito de Economia Circular.

Para baixar o Fact Sheet “Papel não é lixo”, clique aqui .


Mais informações:

Two Sides
www.twosides.org.br

Conteúdo por:

Deixe um comentário

Recomendados para você

Pesquisar

Publicidade

Últimas notícias

Temas mais publicados